#LANÇAMENTO: Sick lança 'P/ Uso Recreativo', seu primeiro álbum

August 22, 2017

A cada dia, o cerrado mineiro mostra mais uma novidade das boas. Nos últimos trinta dias, bandas (Cachalote Fuzz, Porcas Borboletas e Lava Divers) lançaram discos, novas produtoras e festivais crescendo a cada vez mais, e toda semana temos alguma programação com música independente nas casas locais. É algo pra se ter orgulho.

Foto por Olivia Franco (Moviola Mídia Livre). 

 

Inserido nesta cena, a uberlandense Sick, de post rock instrumental, começou seus trabalhos em 2014 e lançou o primeiro EP em 2015. Com quatro faixas, "Light Switch" foi produzido pelo estúdio Revolutionair e a Casa Verde Records (MG), o que rendeu à banda apresentações com grandes nomes, como Jorge Ben, Emicida, Francisco El Hombre, entre outros.

 

Na última sexta, a banda lançou pelos selos Sinewave Label e Cena Cerrado Discos seu primeiro disco, chamado "Para Uso Recreativo". Com doze faixas, o quarteto conta histórias sonoras ao explorar os sentimentos que a música instrumental pode lhe proporcionar. E faz isso muito bem. 

 

De forma livre, a Sick passeia com tranquilidade em várias vertentes e gêneros, onde alguns se sobressaem, como o post rock e a psicodelia. Mas isso ainda não ofusca a grande versatilidade musical por parte de cada integrante, tornando o disco bastante abrangente.

 

A produção, foi liderada por Rafael Vaz (Casa Verde Estúdio), em parceria com Lucas Mortimer (Estúdio Mortimer),  que é responsávle pela captação. Ambos estão envolvidos em grandes nomes da nova música brasileira, como My Magical Glowing Lens (ES), Confeitaria (MG), Cachalote Fuzz (MG), Muñoz (SC/MG), Red Mess (PR), entre outros. A arte de capa fica por conta de Hugo Noguchi e Julia Vasconcelos.

 

Atualmente formada por Guilherme Levi (bateria), Raphael Tx (baixo), Douglas Torquato (guitarra) e Lucas Vidal (guitarra), a banda faz uma série de shows de lançamento. Nesta quinta se apresentam no London Pub ao lado de grandes bandas locais, e no final de semana vai a capital mineira, para tocar no excelente Tubo Cultural, ao lado da Leões de Marte.

 

Sem nenhuma contra indicação, o álbum Para Uso Recreativo é altamente recomendado para todos os tipos de ouvidos, e temos a honra de poder participar desse grande projeto.

 

Em breve pela coluna Entre Nósuma entrevista inédita com a banda, contando cada passo sobre o novo disco, não percam.

 

Escute já pelo Spotify!

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Assista ao vídeo de "Tia Maria", pelo Liquid Sessions (Estúdio Mortimer):

 

 

 

 

 

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload