#COLUNAS/Gula de Rua: confira como foi o 'Cerrado Bier Fest'.

 

 

Há pouco mais de uma semana, no sábado do dia 16, no clube AABB, aconteceu a primeira edição do Cerrado Bier Fest, festival gastronômico e cervejeiro organizado pelo publicitário Tiago Sampaio. Nós, do Gula de Rua, fomos convidados a vivenciar esse espetáculo de 10 horas, com muita cerveja gelada, música boa e alto astral. 

 

Inspirado em um outro grande festival cervejeiro que acontece nos pés da Serra da Caraça em Catas Altas/MG, o Cerrado Bier Fest, além de ter contado com uma ótima estrutura e segurança, reuniu 10 cervejarias, sete food tents e quatro bandas, que tocaram desde blues a rock.

 

Como prometido (e esperado por nós, que estivemos em festivais semelhantes e vimos alguns pontos negativos), uma quantidade enorme de banheiros foi disponibilizada, o que evitou que filas fossem formadas a qualquer hora do dia. Além de playground para a criançada (que até 11 anos não pagava ingresso), havia também uma tenda fraldário; o sistema de vendas não foi o de fichas, os pedidos eram feitos e pagos nas próprias tendas e, na entrada, cada pessoa ganhou uma linda caneca de 400ml. 

 

 

Para enchê-las, fomos diretamente à tenda da Templária, cervejaria que colocou Catalão/GO na rota das cervejarias e ganhou medalha de prata com uma Brown Porter, a Amand Porter, no mais cobiçado concurso de cervejarias do Brasil, que acontece em Blumenau/SC. O nome da cervejaria homenageia a Ordem dos Cavaleiros Templários, uma das primeiras e mais conhecidas ordem militar da Europa Cristã.

 

 

 

O nosso primeiro chopp do dia foi o Tapera Saison Blanc (R$ 10,00), feito em colaboração com a Benedith, cervejaria local, e, segredinho nosso aqui, não somos os maiores entendedores de cerveja artesanal, mas essa daí tava sensacional. 

 

 Atraídos pelo cheirinho nada modesto de bacon e cebolas na chapa, escolhemos um hambúrguer artesanal da Dona Tata para acompanhar. Feito com um hambúrguer de 170g, mussarela, bacon, salada, maionese especial e molho barbecue, o BBQ (R$ 20,00) da Dona Tata foi um dos melhores hambúrgueres que já comemos por aí e que nos dá certeza de que o simples sempre é gostoso. Vale ressaltar que o truck agora tem ponto no Eskina Food Park, espaço recém inaugurado que conta com a presença fixa de foodtrucks e foodbikes de quarta á domingo, a partir das 17h. 

 

Quem nos segue há mais tempo sabe que somos loucos com doces e pra garantir a felicidade das formiguinhas de plantão, a Q’Delis e a La Fábrica Brigaderia estavam presentes. Cada palha italiana da Q’Delis saía a R$ 4,00 e precisamos enfatizar que tivemos uma pequena morte com as de maracujá, oreo e coco. São simplesmente maravilhosas!

 

 

Além de encontrar a Q’Delis em eventos como este, as palhas italianas são vendidas em restaurantes, cantinas e até academias da cidade. Eles também fazem embalagens para presentes, com tamanho a critério do freguês e para contatá-los é só encontrá-los nas redes sociais, tanto no facebook quanto no instagram. 

 

Durante o dia e a noite, a sonzeira foi de qualidade.

 

                     Na foto, a banda Willy Dente de Ouro, que mistura folk com rock irlandês e que colocou muita gente pra dançar.

 

 

Para dar aquela balanceada e entrar naquele loop infinito de salgado-doce-salgado-doce, fomos ao foodtruck pioneiro da cidade e especialista em comida mineira. A maior característica da nossa comida, não é segredo, é o tempero. E o Libertas é bom porque nisso ele não falta e nem peca.

 

                                             Foodtruck do Libertas / Foto: divulgação

 

O prato do dia (R$ 25,00) era costelinha quase desmanchando com molho bbq de cajá e batata temperadinha rústica e, nossa, que prato! Aqui fomos quase que literalmente livres para comer bem, de sair com os dedos lambuzados e tudo mais. O Libertas é presença certa em qualquer evento com foodtruck que se preze, e é outro truck que agora também tem ponto fixo no Eskina. Para acompanhar esse prato, outro chopp da Templária, dessa vez um IPA, denominado Anno I Speciality, e que casou perfeitamente com a comida. 

 

                                                                             Foto: divugação

 

Antes de irmos embora, pegamos um potinho médio (R$ 10,00) de brigadeiro da La Fábrica Brigaderia, com topping de cookies e suspiro. A La Fábrica trabalha com oito tipos diferentes de brigadeiro e um total de 22 toppings. Assim como a Q’Delis, também faz eventos fechados e para entrar em contato é só acessar as páginas no instagram e facebook. 

 

                                                  La Fábrica Brigaderia / Foto: divulgação

 

Depois de um lindo por do sol e ao anoitecer, saímos do Cerrado Bier Fest já imaginando como será a 2ª edição que, se for como a primeira, com certeza precederá a terceira, quarta e assim por diante.

 

Foto: divulgação

 

Tivemos um sábado muito gostoso em vários sentidos e a nossa esperança é que na nossa cidade aconteçam cada vez mais eventos!

 

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload